Pular para o conteúdo principal

Você vai comprar o seu último carro em breve!



Grandes transformações na indústria de automóveis estão acontecendo agora. A maior delas, pode parecer que é a substituição de combustível fóssil por energia limpa, afinal, recentemente, a Tesla Inc. superou a GM como a mais valiosa montadora de carros do mundo, o que comprova a tendência do mercado e dos investidores. O que muitos ainda não perceberam, é que a verdadeira mudança não ocorrerá nas indústrias, mas na forma de consumir. 

Posse superestimada

Pode ser difícil imaginar o mundo contemporâneo sem veículos cortando as ruas. Na verdade, você que está lendo este artigo nesse momento pode não conseguir imaginar a sua vida sem um veículo, seja para transporte ou lazer. Fique tranquilo que você sempre poderá ter um carro quando desejar, e é isso que vai mudar nos próximos 20 anos. Não vamos mais comprar carros, vamos pegar o carro e modelo que precisarmos quando, onde e como. Ao invés de comprar um carro, vamos fazer a adesão em planos que podem variar de diversas formas, mas todos te possibilitarão usar carros sempre que for necessário. Essa será uma mudança tão radical, principalmente no Estados Unidos, maior economia mundial, que transformará o mundo como conhecemos. Será um upgrade para o capitalismo. 

A quantidade de carros reduzirá por habitante, não será mais necessário pagar impostos e seguros, assim como a necessidade de ampliações das vias públicas praticamente se resumirá à manutenções periódicas. Esse é o pesadelo inevitável dos governos que lucram muito cada vez que um carro é comprado, abastecido, multado ou revisado. Montadoras não vão vender carros, vão vender serviços. O carro é o único bem de alto valor que, a cada minuto, vale menos em relação ao que pagamos quando o adquirimos, tendo sido usado ou não. Para as novas gerações que já estão entre nós, isso não faz sentido e um novo modelo de negócio já está começando a desabrochar. 

Qualquer Cadillac por U$ 1.500,00

Em janeiro deste ano um programa chamado Book, da Cadillac, foi lançado e está ganhando força. É só aderir, baixar o aplicativo, solicitar o veículo e marcar a devolução. São os principais modelos e os mais luxuosos disponíveis sempre que os clientes quiserem. O serviço custa caro e está acessível à poucos, mas como já sabemos, é assim que as grandes transformações começam. Só para constar, quem quiser aderir ao Book hoje, vai entrar em uma longa lista de espera. Nos próximos anos essa revolução vai amadurecer e em 20 ou 30 anos, as pessoas vão achar estranho que seus pais tenham comprado carros no passado. 

Mudanças acelerando


Todas as mudanças de consumo que virão nos próximos anos vão afetar de forma rápida e certeira os negócios em todo mundo. Pode ser mais lento para alguns, mas é inevitável. Já está acontecendo e empresas que existiram por décadas desapareceram sem saber bem como tudo aconteceu. Dinamismo, atualização constante e modelos de negócios que podem mudar de direção facilmente, são algumas dicas para uma equação ainda impossível de formular. É sabido que as melhores soluções já estão online ou estão migrando. Usar soluções com base instalada, isto é, aquelas permanentes no computador, é como abrir uma contagem regressiva. Outro ponto é a urgência para a construção de uma base de pensamento coletivista. O cliente não é mais uma pessoa só e o seu produto ou serviço não pode atender a uma necessidade isolada. Isso vale para o meio de produção, a prestação do serviço e para os consumidores. A dica de ouro é saber depurar o máximo de informação relevante e agregar valor real ao seu cliente. Saber ouvir e agir é a chave. São os clientes que ditam as regras e criam as demandas, precisamos entender as necessidade e usar as melhores ferramentas para gerar valor ao máximo de pessoas com a mesma solução. Em 20 anos não compraremos carros, teremos serviços por preços baixos. Você pode imaginar o impacto que isso terá. Essa é só uma das transformações que estão por vir. Em qual transformação o seu negócio vai passar? Você está preparado?

Comentários